blog

Se eu sinto sua falta? Sinto.

Se eu sinto sua falta? Sinto.
Sinto falta da expectativa interminável de te ver.
Da sensação de fogos de artifício que rolava dentro de mim quando me olhava.
Do toque de mãos, aquele sem querer, pela primeira vez.
Sinto falta de sentar na praça, te esperando chegar.
Sinto falta de escolher os sapatos antes de montar o look para te encontrar.
Sinto tanto sua falta que o ar teima em faltar.
Sinto também o desejo incontrolável de suspirar só de tua voz escutar.
Sabe, sinto tantas coisas que na loucura eu pareço estar. Porém, acima de tudo, sinto o vento que sopra o mar, a onda que deixei de pegar, a melodia que dá sinfonia fez meu lar, sinto também a liberdade que é não te amar, mas isso não me faz deixar de sentir o bem estar que era te amar.
Deitada no sofá, meus olhos não param de piscar, pois não consigo dormir de tanta saudade que me dá, de te querer, de ser, de tocar, mas não de experimentar o que a vida me deu, com pôr do sol colorido, aquele céu infinito longe de tudo, inclusive de nós.

Texto deprê, eu sei, mas real, quem nunca sentiu isso?

Espero que tenham gostado!
Graziele Cipriano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *